Fogão cooktop: saiba tudo sobre instalação, modelos e acabamento

Fogão cooktop saiba tudo sobre instalação, modelos e acabamento

Eles estão cada vez mais presentes, principalmente nas cozinhas mais modernas ou as chamadas planejadas. Bonito, moderno e fácil de limpar, o fogão cooktop realmente vem conquistando os brasileiros com sua tecnologia e praticidade. O site JáCotei oferece as melhores marcas e preços. Confira.

O produto é aquele aparelho que tem apenas bocas e botões em uma superfície, que pode ser de vidro, inox ou com o mesmo material dos fogões convencionais. Eles não possuem forno. Os cooktops são instalados em pedras, mármore ou granito, móveis, mesas e pias. O fogão pode ter uma, duas, três, quatro ou cinco bocas.

Além das cozinhas com ilhas ou planejadas, o cooktop também é ótima opção para apartamentos, pois economiza espaço. Embaixo dele é possível ganhar outro armário. Outra vantagem está na hora de limpar. Nunca mais será preciso puxar o fogão para limpar o chão ou a parede, que fica engordurado com fogões convencionais. Basta um pano e um detergente neutro para realizar a limpeza.

Já a desvantagem está mesmo na falta de um forno a gás. Portanto, caso irá adquirir um cooktop, já pense em um lugar para o forno elétrico. Pelo menos poderá escolher o lugar onde será instalado o forno. A dica é coloca-lo em uma altura confortável, para não precisar agachar para assar o frango ou o bolo.

Cooktop elétrico ou a gás?

Os cooktops podem ser a gás ou elétrico. Caso opte por um a gás, a instalação não muda muito, comparada ao fogão convencional, ou seja, precisará dos mesmos cuidados, além das tubulações de gás e ligações elétricas.

Já o cooktop elétrico é o futuro. Muito comum na Europa, esse fogão não possui grades, chamas, bocas ou queimadores. O alimento é esquentado em cima da superfície de placa ou vidro. Vale lembrar que esse vidro é resistente a altas temperaturas e a choque térmico e o calor se concentra apenas na zona da mesa que está sendo utilizada; o restante da superfície do aparelho permanece frio. Os sistemas mais comuns são de indução (placas magnéticas) e radiação (resistências elétricas).

As vantagens são muitas: além da limpeza rápida e fácil, o cooktop proporciona melhor controle de temperaturas, tanto altas quanto baixas, e não corre perigo de vazamentos de gás.

Não se preocupe também com a conta de energia. Mesmo com alguns aparelhos com 6.300W de potência, esse montante só é utilizado com todas as bocas do fogão na posição máxima. Com o uso “normal”, a potência é reduzida e controlada. Há um recurso que mantém automaticamente a temperatura programada. Para se ter uma ideia, a média de consumo do fogão varia entre R$ 4 a R$ 6 por pessoa ao mês na conta de energia.

No quesito cozinhar, segundo especialistas, a tecnologia não interfere no sabor ou cozimento da refeição. A placa transfere o calor para todo o fundo da panela de maneira igual, o que garante o cozimento completo. A única recomendação é utilizar panelas de fundo plano de aço, ferro ou inox, sendo a última a melhor opção, por concentrar melhor o calor.

Já a desvantagem é a total necessidade de energia elétrica, ou seja, sem força, sem jantar.

Instalação do cooktoCooktop Cata L 705 TI 5 Bocas Inoxp

Para instalação do cooktop será necessário ajuda. Algumas empresas oferecem uma rede de serviços autorizados qualificada para instalar o produto; podem ser gratuitos ou não. Estes fogões foram projetados para serem embutidos em móveis de cozinhas com tampo de granito ou mármore.

Todo produto vem com o manual; siga as instruções. Preste atenção nas medidas indicadas pelo manual. Há medidas corretas da espessura da pedra e distâncias que o cooktop deve ficar da parede, da tubulação de gás e de outros eletrodomésticos, como coifa, entre outros. Vale lembrar que cada marca pode ter uma medida diferente.

A instalação deve ser feita da seguinte maneira: 1º passo é encaixar o fogão no móvel e marcar a bancada, pode ser com um lápis ou trena, o fundo do fogão. A pedra, granito ou mármore, precisa ser cortada nessa medida (do lápis). Ao menos que esteja com a máquina correta para o corte da pedra, terá de levar a um profissional. Já com o “buraco”, basta encaixar o cooktop, prende-lo com as presilhas e parafusos de fixação, fornecidos com o produto, e fazer as ligações necessárias, de tubulação de gás e elétrica.

O elétrico também requer medidas e o corte. A diferença está somente na entrada da tubulação de gás. Neste caso, bastar ter uma tomada por perto.

Conheça alguns acabamentos do cooktop

  • Vidro

Como o nome já diz a superfície é de vidro e as bocas ficam para fora (primeira foto). Não se preocupe, pois o material suporta tanto altas temperaturas quanto choque térmico, caso derrube água sobre ele. Limpar também é fácil. Fogão Cooktop Brastemp Dominó Elétrico BDG30 2 Bocas Inox

  • Inox

O acabamento de aço inox é aquele meio cinza escovado (foto acima). Esse ccoktop tem bocas com grades similares aos fogões convencionais. Os queimadores também são externos.

  • Vitrocerâmico

Modernos, não possuem bocas, grades ou queimadores (veja a foto acima, ao lado direito). Funcionam por sistema de indução e a superfície também é de vidro. Em alguns modelos, o controle é digital.

  • Dominó

Tem forma de retângulo, como um dominó (foto ao lado). Normalmente, tem somente duas ou uma boca.




Leia mais:

coded by nessus

Tags: , , ,

Categorias: Eletrodomésticos, Fogão

Sobre o Autor (Perfil do Autor)

Faça um comentário